HISTÓRIA DO CLUBE POLIGLOTA NO BRASIL - Parte 1. Avant tout!



HISTÓRIA RECENTE SOBRE ENCONTROS POLIGLOTAS NO PAÍS.


Esta pesquisa é sobre as novas levas de encontros, considerando, por exemplo, as influências do polyglot club de paris e seu site para organizar eventos tais. E também alguns encontros que iniciaram de forma independente neste período.

Olá, Aqui Jurobaby mais uma vez com uma bela história. hehe. O Primeiro encontro que organizei foi em fortaleza. Mas este é um capítulo vindouro nesta história. Muito bem. Fato: a maioria dos encontros ao redor do mundo hoje tem influência direta ou indireta; através do couchsurfing, internations e afins; do Polyglot Club de Paris idealizado e executado primeiramente por Vincent Scheidecker e por Patrick Rousseau em 2003. Entretanto eles não foram pioneiros na formação de encontros poliglotas, multilinguais ou plurilinguistas no mundo. Obviamente. Porém este poste é sobre encontros pós PolyglotClub no BRASIL. Outro será feito sobre uma pesquisa a ser realizada sobre a própria história dos encontros de idiomas através das eras. ahehaeh. Podemos definir então Antes do PC e depois do PC. AP.c e DP.c.  ehhah
No Brasil o primeiro encontro multilinguístico realizado que se tenha notícia é um encontro que ainda sobrevive como English Meeting em vitória, ES idealizado e executado primeiramente por Rose Wachtmeister  que hoje reside em Fortaleza e mantém um FREE ENGLISH SPEAKING CLUB FORTALEZA ali com sucesso, quinzenalmente aos sábados na livraria Leitura do Shopping RioMar. Rose começou o encontro poliglota de Vitória em 1999. Este, por enquanto é o único evento AP.c que conheço no Brasil.
Tão logo Vincent e Patrick perceberam a importância e o impacto que o movimento poderia ter trataram de criar um site, no qual é possível marcar encontros em qualquer parte sobre a superfície terrestre e, além disso, convidar todos os membros inscritos naquela região. Genial.
No próprio site Polyglotclub.com é possível acompanhar o histórico dos encontros que por ali foram marcados. Mas aqui me aterei aos que se prolongaram em vida, mesmo que tenham morrido e/ou ressuscitado depois.
Pois sim. DP.c, o primeiro encontro a se tentar realizar no Brasil foi um esforço dos próprios fundadores do PC no Rio de Janeiro em 2007. Foram executados 2 eventos e, quando os amigos organizadores se foram, as tentativas de manter os encontros não vingaram.
Seguindo a febre internacional, vídeos e fotos ao redor do mundo, No ano seguinte logo se marcaram encontros em muitas outras cidades, Floripa, São Paulo, Porto Alegre, Rio, Belo Horizonte, Juiz de Fora, etc. Muito embora somente em 2009 teríamos nossa primeira construção consistente no Brasil. Otto Mendonça e Alba, tradutores, intérpretes e professores de idiomas em Foz do Iguaçu, logo trataram de dar novos trilhos para nosso trenzinho esperto correr. A partir de meados de 2009 os encontros aconteciam quinzenalmente ou mensalmente ou bimensalmente. Esta nova aventura foi acompanhada por novas tentativas sem sucesso em outras localidades tupiniquins, mesmo com esforço o encontro de Foz manteve seu vigor e crescimento até 2011, tempo no qual acabou por se diluir em atividades paralelas não mais especificas às rodas de conversas poliglotas. Porém esta linda história está registrada em Fotos e reportagens em jornais e na televisão. A reportagem podo ser encontrada no YouTube e também na playlist do canal do próprio Cube Poliglota Brasil.

E é depois dessa primeira experiência de sucesso que, inadvertidamente, entra em cena nosso ator mirim e, à época um amador, Jurobola. 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pratique mais de 100 línguas de Graça no Whatsapp. CPB Groups

Bater um papo gostoso de graça via CHAT no Telegram